Pimentão – rico em cores e vitaminas

Verde, vermelho, alaranjado, amarelo, creme e roxo, e de formatos variados – quadrado, retangular e cônico -, o pimentão embeleza saladas, decora pratos, apura o paladar de molhos, ensopados e carnes e brilha em receitas pelo mundo afora. O pimentão pertence à família das Solanáceas, da qual também fazem parte a batata, o jiló e berinjela. Outra integrante do grupo são as pimentas, variedade picante dos pimentões, conhecidas como piri-piri, ou malaguetas, e muitas outras denominações. Nativo do sul do México e América Central, a hortaliça se espalhou pelo mundo e é muito apreciado na Europa e Ásia. Quando novinho …

Continue lendo

Calêndula – da farmácia à cosmética e culinária

De origem mediterrânea, o cultivo da calêndula (Calendula officinalis L.), espalhou-se pela Grécia, Roma, Ilhas Canárias e Arábia, até as Índias. O nome cientifíco deriva do fato de a planta florescer nas calendas – primeiro mês do calendário romano. Na Antiguidade, era conhecida como noivinha-do-sol porque abre ao raiar do dia e fecha ao anoitecer. Popular na Europa, suas sementes estavam nas primeiras listas de mercadorias encomendadas pelos colonizadores da América. Hoje, pode ser encontrada mundo afora, em lugares ensolarados e de solo úmido. No Brasil, nasce especialmente nas regiões sul e sudeste e pode ser cultivada também em vasos …

Continue lendo

Sauna – uma delícia no frio ou no calor

Os primeiros registros históricos da sauna datam de quatro mil anos antes de Cristo, no Egito. O hábito se espalhou entre fenícios, árabes, chineses, gregos e romanos. Para quem o banho de vapor representava, mais do que um momento relaxante, uma oportunidade de encontrar amigos. Por influência dos finlandeses, a sauna seca, ou finlandesa – é a preferida na região sul do Brasil. Segundo manda a tradição, as paredes da cabine devem ser de madeira e o ambiente aquecido a lenha. A temperatura em geral chega a 80 graus centígrados. Pessoas muito acostumadas podem elevá-la até os 100 graus. No …

Continue lendo

Cabelos: Óleo de Ojon – o elixir dourado do caribe

Do tradicional extrato de amêndoas ao badalado Moroccanoil, cada um deles tem uma função: hidratar, nutrir, recuperar ou proteger os fios. Mas o favorito do momento é o óleo de ojon. Extraído da noz de uma palmeira típica da América Central, ele se tornou conhecido como o milagre do Caribe ou elixir dourado da natureza. Saiba por quê. “Assim como a maioria dos óleos essenciais, o ojon, também conhecido como batana oil ou american oil, contém ácidos, lipídios e proteínas, entre as quais a cisteína”, explica a terapeuta capilar Sheila Bellotti. Repositor de lipídeos, hidratante e umectante, regenera a fibra …

Continue lendo

Óleo de marula – nova opção cosmética

Conhecido há milênios na África, onde suas propriedades são muito valorizadas, o produto só agora começa a ser difundido e apreciado no Ocidente para confecção de cosméticos, xampus e condicionadores, entre outros artigos. O óleo de marula, é retirado das sementes do fruto da Sclerocarya birrea subsp Caffra da família das Anacardiaceae, a mesma das mangas. Seu cultivo data de dez mil anos e se estende a África do Sul até a Etiópia e o Sudão, onde é considerada uma das mais valiosas plantas selvagens da região. Resistente à seca, a planta reproduz-se em abundância e sua fruta, branca, corpulenta …

Continue lendo

Um perigo para a saúde: gordura trans

A gordura trans virou notícia depois que a comunidade científica descobriu que, em excesso, ela pode levar ao endurecimento das artérias e a um aumento das doenças coronarianas. Trata-se de um tipo específico de gordura formado por um processo de hidrogenização natural ou industrial. Presente sobretudo nos produtos processados, ela é encontrada em quantidades mínimas no leite e na carne. Se consumida de forma moderada, ela não faz tanto mal à saúde. Até se descobrir que a gordura trans é prejudicial, a indústria a usava em larga escala para garantir produtos mais saborosos e melhorar a consistência, o gosto e …

Continue lendo