Produtos teen

O mapa da adolescência na atualidade oferece informações ricas e heterogêneas sobre nossos meninos e meninas. Os contrastes estão presentes nos variados grupos, “realidades” e perfis de consumo. Contudo, apesar das diferenças, eles apresentam como traço comum a ambiguidade, característica que permeia essa fase de transição entre a infância e a vida adulta. “Adolescentes gostam de autonomia, são protagonistas na busca de informações em todos os sentidos, e querem se sentir incluídos, mas, ao mesmo tempo, gostam de se diferenciarquando estão dentro do grupo. Diferentemente das geraçõesanteriores, eles ensinam aos pais sobre muitos assuntos,como tecnologia, beleza e moda. Antenados e mais voláteis, gostam e desgostam de produtos e serviços e são menos fieis às marcas,porque encontram substitutas facilmente. Há uma curiosidade quase permanente em relação a novas descobertas”, sintetiza a antropóloga Hilaine Yaccoub.

A delimitação da faixa etária que corresponde à adolescência tem classificações variadas. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a adolescência abrange o período entre 10 e 19 anos de idade. Pelo Estatuto da Criança e do Adolescente, criança é a pessoa com até 12 anos incompletos, enquanto adolescente é quem tem entre 12 e 18 anos. Já o Estatuto da Juventude defi ne como jovens as pessoas de 15 a 29 anos.

Comportamento

A antropóloga Letícia Veloso lembra que, desde a década de 1950, estamos acostumados a relacionar a adolescência a uma etapa turbulenta, de descobertas, emoções confusas e rebeldia. Apesar dos elementos comuns a outras gerações, ela destaca alguns pontos específicos no comportamento dos teens da atualidade. Uma dessas características é a ambiguidade,que se manifesta através do amadurecimento precoce – em razão do acesso a todo tipo de informação – e dos traços de imaturidade típicos dessa fase, quando não “sabemos” como as roupas limpas chegam até o armário. “Essa ambiguidade tem efeitos, por exemplo, nos comportamentos de compra: eles sabem se informar ao máximo sobre marcas e produtos […] e podem influenciar a família de formas que antes não se via.

Letícia destaca um aspecto bastante positivo na atual geração de adolescentes: eles sabem buscar informações de forma mais assertiva do que os adultos, “e sabem filtrá-las mais do que se imagina”, diz a antropóloga.

 

Relação com as marcas

A marca importa muito para os adolescentes, embora sua relevância esteja relacionada ao grupo e ao tipo de produto. “É necessário saber de qual tipo de grupo se está falando para entender melhor o papel das marcas para eles. Isso não tem só a ver com a renda, é uma combinação de fatores, como estilo de vida e as ‘tribos’ a que os jovens pertencem. Para alguns grupos, é cool gostar de marcas e ter as marcas certas, enquanto que, para outros, essa preocupação é vista como algo ruim”, aponta Letícia.

Para a antropóloga, a atual geração de adolescentes se relaciona muito bem com a família, que exerce grande influência sobre suas escolhas. Os amigos, tanto no ambiente “real” como no virtual, também são muito influentes, mas a primeira referência é a família. A exceção nesse contexto é a influência exercida por formadores de opinião na internet. Grupos paralelos organizados em redes sociais, em torno de interesses específicos, influenciam-se mutuamente. “Em determinados casos, pessoas que o adolescente nunca viu pessoalmente podem, sim, saber mais sobre esta marca de roupa ou aquela marca de chuteiras do que pais, mães e outros amigos”, afirma.

Já a lealdade à marca está relacionada a diversos fatores, dentre eles o histórico familiar em relação ao uso do produto

Marcas que oferecem artigos para todas as fases da vida e se adaptam às transformações de seus públicos, transitando bem entre as diferentes faixas etárias, têm mais chances de acompanhar o consumidor quando este ingressa na fase adulta.

“A marca precisa de constante renovação, como no caso do Google e até mesmo da Apple. Esses jovens buscam participação ideológica. A marca precisa ter status de religião, o jovem precisa ser encantado […]. Assim, ele buscará informações e será um defensor dela, influenciando e sendo influenciado, dependendo do contexto”, diz Hilaine.

 

Tendências de consumo em higiene e beleza

Em momentos de aperto, como o atual, a relação custo x benefício se torna ainda mais relevante. “A beleza natural e fresca dos adolescentes ajuda nessa relação […]. Os tutoriais com itens alternativos aos produtos mais caros acabam sendo uma tática usada por muitos deles”, diz Hilaine. Letícia coordena um projeto de pesquisa com foco na indústria da beleza. O estudo “A Indústria da Imagem/Aparência no Brasil Hoje: Produção, Circulação e Consumo de Produtos de Beleza” teve início em agosto de 2012 e deve ser concluído em julho de 2016.

Ela aponta que os teens valorizam cada vez mais as inovações tecnológicas. Produtos capilares que oferecem benefícios específicos para cabelos cacheados, tingidos ou com queda, por exemplo, têm forte apelo entre eles. “Maquiagens ‘high-tech’, que ofereçam resultados rápidos, durem o dia todo e respeitem a pele sensível da adolescente, como os BB e CC creams, aqueles que oferecem tecnologia ‘blur’, produtos multifuncionais, ou as bases em formato de ‘cushion’– são uma forte tendência”, afirma Letícia.

As adolescentes brasileiras, embora ainda não usem a mesma quantidade de maquiagem que as norte-americanas, por xemplo, tendem a aumentar seu consumo à medida que experimentam novos produtos. “A escolha hoje é muito farta, a internet ‘ensina’ como usar os produtos e quais são as tendências. No mundo inteiro, a maquiagem vem ganhando espaço, inclusive entre homens. Tudo isso contribui para uma mudança nos padrões de comportamento das teens brasileiras, em direção ao maior uso da maquiagem no dia a dia”, ressalta.

Os conteúdos sobre beleza que circulam na internet oferecem às adolescentes a possibilidade de acesso a informações sobre produtos que ainda nem chegaram ao país. Nesse contexto, elas podem agir “como vozes importantes na disseminação de informações no Brasil e na demanda pela chegada deste ou daquele produto. Assim, por exemplo, as teens sabem que ‘todas as maiores inovações recentes estão vindo da Ásia’ e estão ávidas por esses produtos”, diz.

A busca por novidades internacionais convive com a valorização das marcas brasileiras. Letícia salienta que várias marcas nacionais de cosméticos mantêm uma relação afetiva com brasileiros e brasileiras de diferentes segmentos e faixas de renda. “A tendência, aqui, é a valorização do que é específico aos consumidores brasileiros: matéria-prima tipicamente brasileira, como é o caso da Natura, ou o investimento que a Dermage e a Adcos, dentre outras empresas, fazem para entender a pele brasileira”, aponta a antropóloga.

No que diz respeito à higiene e aos cuidados com a pele, a multifuncionalidade e a combinação entre beleza e saúde são as tendências predominantes. “No Brasil, temos uma combinação tríplice entre higiene, beleza e saúde: um ‘cleanser’ é bom quando limpa direito, deixa a pele bonita e cuida da saúde da pele. As adolescentes têm a preocupação com a higiene desde pequenas, e isso se mantém à medida que crescem”, conclui.

 

Potencial para ser grande

O mercado de produtos para adolescentes segue em fase de crescimento e investe na diversificação.     O mercado brasileiro de cosméticos para adolescentes não conta com dados específicos sobre sua representatividade. No entanto, com base em informações sobre comportamento e hábitos de consumo dessa parcela da população, é possível vislumbrar tendências e identificar oportunidades. A presença em redes sociais, os lançamentos com assinaturas de celebridades e o desenvolvimento de produtos para uso profissional são algumas das apostas da indústria. Pesquisas revelam que os adolescentes já estão influenciando o mercado. Como são mais confiantes, ansiosos por mudanças, dinâmicos, ecléticos, ágeis e gostam de assumir papéis ativos dentro de seus grupos, buscam produtos e serviços que satisfaçam suas necessidades. Diante desse cenário, é extremamente importante detectar as demandas específicas deste target e oferecer produtos com apelos e ativos específicos – e conceitos inovadores.

O portfólio da Adélia Mendonça oferece produtos multifuncionais, que incluem praticidade, resultados mais eficazes, economia de tempo e dinheiro.

 

URBAN DEFENSE GLOW PRIMER – Primer iluminador deglicante termal em pérolas

Reunindo multibenefícios e praticidade para todos os tipos de pele, a Adélia Mendonça lança o Urban Defense Glow Primer. A associação de três tecnologias incríveis para a beleza total da pele jovem ou madura: sérum facial antiaging deglicante e também antiglicante, com ação redutora da oleosidade/fixação da maquiagem, complexos nanoencapsulados de hidratação e rejuvenescimento 3D e exclusivas pérolas de resistividade antipoluição para o escudo facial perfeito as agressões do meio ambiente. Funciona também como um excelente primer. Possui ação efetiva no controle da oleosidade e imperfeições da pele, além de proporcionar acabamento mate e aveludado, fixando a maquiagem por mais tempo sem efeito craquelado. Sua composição possui propriedades remineralizantes para o reequilíbrio hídrico da pele, vetores especiais para a reposição lipídica epitelial, garantindo uma perfeita combinação no combate ao envelhecimento cutâneo. Os efeitos finais se dão através da blindagem de ação antipoluição e ação antiglicante. O resultado? Uma pele jovem que RELUZ!

 

VELVET MOUSSE MATTE PERFECTION FPS 30 – A chave da fotoproteção inteligente para a pele brasileira

Pronta para uma selfie? Velvet Mousse Matte Perfection FPS 30 é um fotoprotetor inteligente, com ampla proteção UVA+++/UVB, atua também na prevenção e no tratamento do envelhecimento sistêmico, com efeito detox. Confere proteção ao DNA e ação antiglicante, inibindo o processo de degradação do colágeno e das proteínas estruturais, com benefícios antioxidantes e de renovação celular. Apresenta textura mate e toque seco, além de ação hidratante e protetora. Uniformiza o tom e a textura da pele, cobrindo perfeitamente rugas e linhas de expressão com efeito selfie Perfect.

 

Instant Perfector – O retrator de poros inteligente

Formulado a partir do exclusivo complexo herbal dos Alpes suíços em associação com blends botânicos e tecnológicos, sendo um produto nanocosmético multifuncional que reduz o tamanho dos poros, não apenas contornando o problema, mas tratando-o. Ele alia o tratamento de poros dilatados ao controle da oleosidade, brilho excessivo, clareamento, rejuvenescimento, acne ativa e escoriações – a famosa “manchinha” que a espinha deixa na pele. Também atua como primer – fixador da maquiagem, incluindo o efeito “soft focus”, minimizando o aspecto das rugas, linhas de expressão e pequenas imperfeições, além de proporcionar acabamento mate e aveludado, deixando a pele sequinha, lisinha e pronta para receber a maquiagem. Ainda corrige cicatrizes provocadas pela acne, tem ação antimicrobiana, regeneradora celular, antienvelhecimento, anti-inflamatória e ação terapêutica em peles com rosáceas.

 

Fonte: Cosmetics Online

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *