O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player


Cadastre-se e receba em primeira mão todas as novidades da Adélia Mendonça Cosméticos.





Acne? Entenda a importância de tratá-la logo no início

Muitos desconsideram a importância de tratar a acne logo no início, e acabam demorando para ir buscar tratamento e com isso o quadro pode se agravar.

A acne por ser uma doença de duração prolongada se tratada no início é possível evitar suas sequelas, que podem ser cicatrizes atróficas ou hipertróficas na pele afetando assim a auto estima do indivíduo.

A presença da acne em muitos indivíduos pode gerar conflitos pessoais e/ou familiares, ocasionando uma dificuldade de convívio social, com isso muitos sofrem de distúrbios emocionais.

O lado emocional dos indivíduos não deve ser ignorado e quando houver a necessidade encaminhar a um apoio psicológico.A conduta do profissional de estética varia conforme o grau da acne.

Na puberdade ocorre uma hipertrofia das glândulas sebáceas e o aumento de sua secreção, pois os hormônios sexuais começam a ser produzidos pelo organismo.

Algumas bactérias participam da patogênese da acne, encontramos em maior número o Propionibacterium acnes, em menor número o P. granulosum e raramente o P. parvum.

O Propionibacterium acnes é o responsável pelo aparecimento ou o agravamento da acne. Ocorre a aglomeração de células córneas no orifício do folículo pilossebáceo causando sua obstrução e consequentemente impedindo a saída do sebo.

Com a retenção do sebo ocorre a liberação de ácidos graxos que são irritantes para a parede folicular. A pressão do sebo acumulado pode romper o epitélio folicular, com isso os ácidos graxos e a proliferação dos microorganismos irão atuar iniciando um processo inflamatório.

No sexo masculino a incidência maior é dos 16 aos 19 anos, já no sexo feminino é dos 14 aos 17 anos. A acne não atinge apenas adolescentes e pode persistir na fase adulta sendo mais frequente em mulheres.

ESTÁGIOS DA ACNE:

GRAU I - onde predominam comedões sem lesões inflamatórias
GRAU II - onde predominam lesões papulopustulosas com reação inflamatória
GRAU III - predominância maior de cistos, nódulos, abscessos e inflamação intensa
GRAU IV - pequenas e grandes lesões císticas, comunicantes (acne conglobata), muita inflamação, cicatrizes profundas e todas as lesões anteriormente citadas.
GRAU V - Acne Fulminans: é uma forma muito grave e rara da acne apresentando nódulos dolorosos e ulcerativos, osteoartrite, raras lesões osteolíticas, abcessos, fístulas, septicemia. Pode também vir acompanhada de mal estar, febre, emagrecimento.
 

 

2014 © Todos os direitos reservados - Adélia Mendonça Cosméticos
Agência TWD - Comunicação Digital
Faça parte de nosso círculo no Google +Inscreva-se em nosso Canal no YoutubeSiga-nos no TwitterAcompanhe nosso blog Curta nossa página no Facebook