Protetor solar com FPS alto: quais os benefícios desse tipo de proteção? Realmente faz diferença? Entenda!

Quem gosta de cuidar da pele sabe que é essencial usar protetor solar todos os dias nas áreas expostas da pele, com um FPS de fator 30, no mínimo, independentemente de qual seja o seu fototipo. Mas e os filtros com fator de proteção 60, 70, 80…? Será que realmente fazem diferença na proteção da pele?

O que significa FPS no protetor solar?

A sigla FPS significa Fator de Proteção Solar, que, geralmente, vem associada de um número. Esse fator demonstra a capacidade de manter a pele protegida da radiação UVB. Essa radiação causa a queimadura solar e portanto sua ação é percebida na vermelhidão e ardência da pele após a exposição. O FPS, de forma simplificada, é calculado comparando o tempo que a pele com protetor solar leva para ficar avermelhada versus o tempo que a pele sem protetor solar leva para ficar avermelhada. Por exemplo, com um fator de proteção igual a 30, a pessoa fica trinta vezes mais protegida do que se estivesse sem o produto, com FPS 60, sessenta vezes mais, e por aí em diante.

Usar protetor solar com FPS muito alto faz diferença na proteção da pele?

De acordo com a dermatologista Vanessa Metz, quanto mais tempo uma pessoa for ficar exposta ou quanto mais forte for a intensidade do sol, maior deve ser o valor do FPS no filtro solar. O uso de um FPS muito alto mantém a boa proteção da pele do paciente mesmo que ele aplique uma quantidade inferior a necessária. O produto com fator alto deve ser usado para prevenir queimaduras, o envelhecimento precoce da pele, especialmente se a pessoa estiver na praia, piscina ou fizer exercícios físicos ao ar livre regularmente.

Além disso, ela também alerta que, à medida que as estações vão ficando mais quentes, é importante sempre aumentar o FPS do nosso protetor.

Em que ocasiões devemos usar o protetor solar com FPS muito alto?

O uso de um FPS muito alto mantém a boa proteção da pele do paciente mesmo que ele aplique uma quantidade inferior à necessária. Além disso, quanto mais tempo uma pessoa for ficar exposta ou quanto mais forte for a intensidade do sol, maior deve ser o valor do FPS no filtro solar.

– Quando a exposição é intensa, como na praia, piscina, passeios ou exercícios ao ar livre;
– Depois da depilação (a cera, laser, com linha…);
– Depois de qualquer procedimento estético, como peelings;
– Em cicatrizes;
– Após fazer uma tatuagem e durante o período de cicatrização.

Adélia Mendonça possui em sua linha protetores solares com alto fator de proteção, confira:

DAILY PROTECTION FPS 50 ou 60

Constitui em um tratamento multifuncional aliando fotoproteção a um completo tratamento antiaging, antioxidante, regenerador celular e de alto grau de hidratação. São formulados para dar ampla proteção contra as radiações solares e auxiliar na prevenção do surgimento das rugas precoces causadas pela ação dos radicais livres, através da ação dos filtros solares UVA+++, UVB e da Vitamina E (acetato de tocoferol), ajudando na prevenção do câncer de pele.

protetor solar

STOP SUN FPS 50

Com um blend de ativos, como a Vitamina E – antioxidante que auxilia na formação do colágeno e elastina, a Aloe Vera – poderosa substância com múltiplas propriedades benéficas a pele, Pantenol, com alto poder hidrante que deixa a pele mais suave e elástica, entre vários outros. Stop Sun FPS 50 possui ampla proteção UVA+++ e UVB que protege contra os efeitos nocivos do sol, além de seus ativos, Vitamina E (acetato de tocoferol), Extrato de Aloe vera, D-Pantenol, PCA sódico, Hialuronato de sódio, que hidratam, protegem e auxiliam na prevenção do envelhecimento precoce, reduzindo a formação de radicais livres, proporcionando saúde e beleza à sua pele. Stop Sun FPS 50 protege sua pele até 50 vezes mais do que sem a sua aplicação. Resistente a água e ao suor.

protetor solar fps 50

Fonte: Dermaclub